A BALESTILHA

Há quem afirme que foram os portugueses que inventaram a balestilha. Seria uma inspiração do kamal (instrumento conhecido em Portugal como "balestilha de mouro" ou kamal destina-se à orientação em alto mar através da observação das estrelas) visto por Vasco da Gama na sua passagem pelo Índico. A primeira tentativa para utilizar o kamal pelos portugueses ocorre na viagem de Cabral.

Posição correta para uso da balestilha

 

 

Medição dos astros com balestilha

 

A origem do seu nome poderá ser balhesta, o mesmo que besta, a arma medieval, devido à sua semelhança. É formada por duas peças – o virote e a soalha. A primeira é uma peça de madeira, graduada, ao longo da qual se pode mover a soalha. Em alguns casos, uma balestilha pode ter várias soalhas, utilizáveis de acordo com a altura do astro que se deseja observar. A utilização da balestilha na navegação ocorre à noite.